Outra atitude é dizer NÃO a esse tipo de preconceito

preconceito1

Um jovem de 19 anos postou um conjunto de fotos e fez referências (nada agradáveis) no último dia 17 de julho. O perfil, meio rebelde, não condiz com as imagens e suas comparações, típicas de pessoas carregadas de preconceitos e falta de respeito.

Por outro lado, um adolescente de 14 anos, sugere ao pai escutar a seguinte música: “Eu sei quem sou. Sei pra onde vou. Sei de onde vim. E sei quem é que me colocou. Jesus é o jardineiro e as árvores somos nós. Ao som da sua voz, minha alma florece, frutos nascem, flores crescem”.

Com o que sonha cada jovem desse? Qual mensagem eles querem deixar para nós. O primeiro, sem pudor e respeito a qualquer dos bairros e escolas, manifestou claramente o desprezo com as pessoas. Não se permitiu mostrar que, para muito além de sua pífia visão, existe o bem, a esperança e a fé.

Prefiro, portanto, como atitude aceitar que “Jesus é o jardineiro e as árvores somos nós”. Assim, podemos superar a descrédito, o ódio e a tirania do preconceito. Aqui não é a idade que conta e sim o poder da mente e do coração.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s